Guarapuava FC quer disputar categoria de base e 3ª Divisão em 2021

Durante participação recente no programa de webtv Conexão Esporte, o técnico Lucas Litieri e o preparador físico Paulo Henrique, o PH, deram detalhes da iniciativa. “Vamos montar um time para subir”, disse o treinador. Já o presidente do clube é Paulo Vogt, ex-jogador e empresário

Um projeto esportivo vem movimentando a cena no terceiro planalto paranaense. Tudo porque surgiu um novo clube profissional: Guarapuava Futebol Clube.

Durante participação recente no programa de webtv Conexão Esporte, o técnico Lucas Litieri e o preparador físico Paulo Henrique, o PH, deram detalhes da iniciativa. “Vamos montar um time para subir”, disse o treinador, detalhando para o apresentador Percival Junior de que o Guarapuava FC pretende disputar na temporada 2021 as categorias de base (Sub-15), e a 3ª Divisão, com elenco profissional formado por atletas entre 17 e 20 anos.

Aliás, o jovem técnico, que também é guarapuavano, destacou que o planejamento é de que, em dois anos, o novo clube possa chegar até a elite do futebol profissional. Nesse sentido, ele elogia a estrutura da equipe, classificada por ele como “uma das melhores do Paraná”.

PH explicou que o Guarapuava FC já tem academia e sala de fisioterapia, com um alojamento em construção. “Estamos trabalhando firme. Estamos organizando toda a parte de comissão técnica”, afirmou PH.

Inclusive, Litieri disse que o novo clube veio para ficar e vai fazer pelo município aquilo que não foi feito nos últimos 20 anos. “Ter um time”.

O projeto é presidido por Paulo Vogt, ex-jogador de futebol (com passagem vitoriosa pelo Batel e clubes da Europa) e empresário.

COMPETIÇÕES
Por meio de “Ato da Presidência”, a Federação Paranaense de Futebol (FPF) publicou em 3 de março o adiamento do Campeonato Paranaense de Futebol Sub 15 – Temporada 2021 para o segundo semestre, em data a ser definida. Motivo: “o risco de propagação e contaminação em massa, decorrente da pandemia do COVID-19 (Coronavírus), bem como a saúde de todas as pessoas envolvidas para realização das partidas de futebol”, diz o texto.

E a Terceirona deve ocorrer a partir de agosto. Mas ainda precisa ocorrer o arbitral da competição para confirmar fórmula de disputa e datas de início/término.

Escudo do novo time valoriza o Lobo Guará e as cores azul e branco (Foto: Divulgação)

COMUNICAÇÃO
O Guarapuava Esporte Clube tem página oficial nas redes sociais (@guarapuavafcoficial), que é um espaço reservado para divulgar o trabalho desenvolvido.

Em uma das postagens, por exemplo, destaque para a vitória sobre o Operário Ferroviário (3 a 2), em amistoso do Sub 17 realizado em Ponta Grossa no dia 24 de fevereiro. “Foi um jogo fantástico, a nível de um Campeonato Paranaense. A nossa equipe muito bem fisicamente, de qualidade”, avaliou Paulo Vogt, em outro episódio do Conexão Esporte.

O presidente disse que o clube nasceu da ideia de valorizar sua cidade natal. “A gente vai levar toda a história de Guarapuava junto conosco em todos os lugares”.

E o escudo do clube é no formato de círculo, em tons de azul (claro e escuro), branco e amarelo (em detalhe). No meio, a figura central é um lobo, com a data de 2020 logo abaixo. Provavelmente é referência ao ano de criação do clube. O mote da página é “O Lobo despertou”.

DERBY
No site da FFP, ainda não consta o Guarapuava FC na lista de clube filiados.

Entre as novidades mais recentes, aparecem Patriotas FC (da Região Metropolitana de Curitiba) e Aruko Esportes Brasil (de Maringá), que são projetos nascidos em 2020.

Com a nova equipe guarapuavana na 3ª Divisão em 2021, existe a possibilidade de um derby com a Associação Atlética Batel, tradicional clube de Guarapuava que também vem se preparando para a Terceirona nesta temporada. É uma situação inédita, pois o Rubro-Negro da Baixada tem sido o único representante do município no futebol profissional, nos últimos dez anos.