Projeto de revitalização da avenida Vereador Rubem Siqueira Ribas transforma um novo ponto turístico em Guarapuava

A previsão é que a obra comece em janeiro de 2022 com conclusão em setembro do mesmo ano

Alargamento da pista de rolagem de veículos, ciclofaixas com dois metros de largura, calçadas, pista de caminhada, faixas elevadas para pedestres, paisagismo, iluminação e sinalização. Tudo isso está incluído no projeto de revitalização da avenida Vereador Rubem Siqueira Ribas, elaborado no Centro de Planejamento Urbano de Guarapuava (Ceplug), em Guarapuava. 

Além de garantir mais segurança aos motoristas, ciclistas e pedestres, melhorando a mobilidade, o projeto na avenida que dá acesso ao Parque Recreativo Jordão, será um novo cartão-postal da cidade, conforme destaca o Prefeito de Guarapuava, Celso Fernando Góes. “É um projeto complexo, que envolve toda equipe de engenheiros florestais, equipe de pavimentação, engenheiros civis, elétricos e arquitetos que trabalham de forma unificada. Será mais um ponto turístico de Guarapuava que além de valorizar a vila Jordão, melhorar a qualidade de vida dos moradores daquela região, certamente irá atrair mais pessoas, para visitarem a nossa cidade”, destacou. 

De acordo com o secretário de Planejamento e Urbanismo, Paulo Dirceu, o projeto arquitetônico elaborado pela pasta, possui recursos assegurados de R$ 10 milhões, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano (Sedu) e prevê 8 km de revitalização, iniciado a partir do Parque Linear do Trianon e vai até a rótula do mirante. “Será uma nova via, com um belvedere [espécie de mirante], para registros fotográficos, um ponto perfeito para admirar a natureza. Com equipamentos públicos como mesas, bancos para descanso, lixeiras, bebedouro, jardim, um bicicletário e uma iluminação moderna, toda em led”, contou. 

Secom

ARBORIZAÇÃO E INSPIRAÇÃO ARQUITETÔNICA

Segundo o arquiteto do projeto, Luiz Marcelo Sanchez, a revitalização terá uma arborização diferenciada em toda extensão com hortênsias e azaleias, dando sequências a floração em tempos diferentes. “As hortênsias e azaléias se revezam a cada estação, no inverno e no verão, bordando assim, as margens da via, trazendo cor e vida, proporcionando momentos de relaxamento e contemplação. Contribuindo com esse contraste de cor, teremos também o Ipê mirim amarelo”, explica Luiz.

Secom

Outro ponto importante apontado pelo arquiteto, é a inspiração arquitetônica. Que segundo ele, parte de uma leitura da estrada de ferro que passa sobre o rio Jordão. “Desenhamos um portal de forma treliçada, com uma identidade visual por meio da história, com cores inspiradas no elemento natureza, lembrando a própria madeira, e as estradas de ferro”, finalizou. 

O projeto topográfico já está finalizado e está na fase de compatibilização, entre este e o projeto arquitetônico com os complementares (medição e estudo descritivo e detalhado da região que será revitalizada). A previsão é que a obra comece em janeiro de 2022 com conclusão em setembro do mesmo ano.

*******Informações da Secretaria de Comunicação (Secom).