Em Guarapuava, ‘Dia D’ reforça importância da segunda dose contra Covid-19

Nesta segunda-feira (26), foram imunizadas as pessoas que estão aptas para receber a aplicação da segunda dose da AstraZeneca e da CoronaVac

Nesta segunda-feira (26), a campanha Guarapuava Imunizada promoveu mais um “Dia D” dedicado às segundas doses da vacinação contra Covid-19. 

Como nos dias anteriores, foram imunizadas as pessoas que estão aptas para receber a aplicação da segunda dose da AstraZeneca e CoronaVac.

“Hoje, passamos por um momento de alívio, comparado à situação que vivemos em maio e junho. Há pouco mais de um mês, o número de casos ativos entrava na casa dos quatro dígitos e uma melhora parecia algo cada vez mais distante. Em um mês, foram aplicadas 26,804 mil doses e junto da vacinação, tivemos uma queda considerável no número de casos ativos e na média móvel de mortes. Hoje são 292 casos ativos, número alcançado, principalmente, por conta do progresso da vacinação”, explica o secretário de Saúde, Jonilson Pires. 

O “Dia D” marca uma nova etapa da campanha de vacinação em Guarapuava, reforçando a necessidade da segunda dose. Como a maioria dos imunizantes, é necessária a aplicação de duas doses para a proteção completa – com exceção apenas da vacina Janssen, que é necessária apenas uma dose. Portanto, é indispensável que, pessoas aptas para receberem a segunda dose, compareçam na tenda de vacinação. 

Amauri Sérgio (63 anos) falou sobre a importância da vacinação e destacou a aplicação da segunda dose. “Você vê pelos números, é importante demais se vacinar, então com a segunda dose aí, não tem desculpa para não tomar”.

As informações são da Secretaria de Comunicação (Secom) de Guarapuava.