CGE investe na formação de seus servidores e disponibiliza cursos pela internet

Direcionado para servidores das áreas de abrangência da CGE (controle interno, corregedoria, ouvidoria, transparência, controle social e compliance), o conteúdo online pode ser acessado por qualquer pessoa que queira aprofundar seus conhecimentos

A Controladoria-Geral do Estado (CGE) tem investido em capacitação e treinamento de servidores, principalmente aqueles que trabalham em áreas vinculadas ao controle interno da administração. Com isso, a população pode contar com o preparo de quem verifica condutas ou ações que possam comprometer a boa gestão do Estado.

Boa parte das capacitações, em seminários e em encontros virtuais, está disponível para a comunidade no canal CGE PR, no YouTube. Porém, junto com a Escola de Gestão do Paraná, vinculada à secretaria estadual da Administração e da Previdência, e com o CGE EAD, em parceria com a Unicentro, ampliou a abrangência dos cursos e permitiu a emissão de certificado.

O controlador-geral Raul Siqueira explicou que a CGE busca trabalhar com metodologias e procedimentos atuais e usados em todo mundo. “Passamos a adotar o Modelo de Capacidade de Auditoria Interna IA-CM, que aumenta a confiabilidade no trabalho de controle interno junto a órgãos e entidades nacionais e internacionais”, exemplificou.

A capacitação dos servidores da CGE entrou no Plano Plurianual do órgão, para incentivar a oferta de treinamento e o engajamento dos servidores, conforme reforçou o diretor de Auditoria, Controle e Gestão, Gil Souza. “O documento prevê o programa permanente de desenvolvimento profissional. Para a CGE, estabelecemos meta de ofertar, pelo menos, 80 horas de curso por área”, disse.

A CGE atua com sistemas de Controle Interno, de Transparência e Controle Social, de Corregedoria, de Ouvidoria e de Integridade e Compliance. Cada área é gerida por uma coordenadoria, na estrutura da CGE. A previsão legal está disposta na Lei 19.848/2019.

CATÁLOGO

Para garantir que os servidores estejam atualizados com relação à legislação e a boas práticas na administração pública, foi criada a Coordenadoria de Desenvolvimento Profissional, na CGE. O setor organizou catálogo com mais de 160 cursos oferecidos por instituições de ensino, na modalidade gratuita de ensino a distância. 

Embora tenha sido elaborado com base no conhecimento ligado às áreas da CGE, pode servir de orientação para todos que quiserem aprofundar conhecimentos. Inovação, transparência controle e participação popular, análise de dados, orçamento e finanças, direito e legislação, comunicação, planejamento, ética e gestão pública são algumas áreas abordadas pelo catálogo, disponível no site da CGE.

Esse catálogo é atualizado periodicamente, com novos cursos. “O objetivo é dar um mapa para ajudar o servidor interessado na autoformação a se aprofundar em sua área de atuação. A capacitação é uma ferramenta estratégica para qualificar cada vez mais as equipes de trabalho e, também, atender à realização pessoal do servidor”, disse Mirian Simões, coordenadora de Desenvolvimento Profissional, na CGE.

Ela acrescentou que, por meio de formação continuada, os servidores de todos os órgãos e entidades do Estado podem desenvolver suas atividades cotidianas com “eficiência, eficácia e efetividade”.

BALANÇO

Mirian explicou que, em 2021, foram produzidos, por exemplo, cursos sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (48h); o projeto CGE na Prática (80h), em que cada coordenadoria explica fluxos de seus trabalhos; capacitação no modelo IA-CM de Auditoria; e iniciou-se a capacitação para a nova lei de procedimentos correcionais, pelo Projeto Lapidar.

De dentro e de fora da CGE, foram 2.966 inscritos em cursos, seminários e capacitações oferecidos pela Coordenadoria de Desenvolvimento Profissional, em parceria com a Escola de Gestão e outras instituições ou secretarias de Estado. Somadas, as horas cumpridas por esses servidores passariam de 10 mil.

Os 14 webinares produzidos pela coordenadoria tiveram 22,5 mil visualizações. “Também promovemos os seminários do Conaci (Conselho Nacional de Controle Interno) e de aniversário da CGE, com convidados externos”, disse a coordenadora de Desenvolvimento Profissional. Ela acrescentou que a coordenadoria dá apoio às iniciativas de cada coordenadoria da CGE.