PM registra duas ocorrências envolvendo inquilinos e donos de imóveis em Guarapuava

Em duas das situações os envolvidos entraram em vias de fato; as ocorrências foram nos bairros Primavera e Santa Cruz

A Polícia Militar (PM) de Guarapuava registrou atendimento a duas ocorrências de briga entre donos de imóveis e moradores nesta terça-feira (11 janeiro). Uma das situações foi registrada no bairro Primavera e a outra no Santa Cruz.

Por volta das 18h10, a equipe se deslocou até a avenida Bandeirantes onde um homem (38 anos) estaria tendo um desentendimento com sua inquilina. No local, a polícia apurou que as partes acabaram entrando em vias de fato. De acordo com o relato do dono da casa, a inquilina teria dado um tapa na cara de sua filha (14 anos), acusação que foi negada pela mulher (34 anos).

Segundo ela, o tapa foi dado no celular da adolescente que estava gravando a situação. A briga seria devido ao pagamento de uma conta de luz do imóvel. Os envolvidos foram encaminhados até o 16º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

SANTA CRUZ
No bairro Santa Cruz, outra ocorrência foi registrada pela polícia. Segundo informações policiais, um homem teria pedido para que a moradora de sua casa de aluguel deixasse o imóvel.

Conforme relato do solicitante, ao chegar no local, a mulher teria lhe ameaçado, dizendo que a conversa com ele seria no tiro e que iria lhe matar. Além disso, ela teria chamado a convivente do dono da casa de “nega e vagabunda”, como consta no Boletim de Ocorrência.

As partes foram encaminhadas para a delegacia para os procedimentos cabíveis.