Operação é realizada em postos de combustíveis de Guarapuava

A coordenadora do Procon, Luana Esteche, explica que a fiscalização é um pedido da população para a verificação dos combustíveis que estão sendo vendidos

O Procon (Departamento Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor) de Guarapuava realizou, em conjunto com representantes da Agência Nacional de Petróleo (ANP), o Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) e a Polícia Militar (PM), uma operação para fiscalização da qualidade e quantidade dos combustíveis vendidos nos postos da cidade de Guarapuava.

A coordenadora do Procon, Luana Esteche, explica que a fiscalização é um pedido da população para a verificação dos combustíveis que estão sendo vendidos. “Essa é uma fiscalização de iniciativa do Procon, junto com a ANP, em decorrência das várias denúncias e pedidos de providências que nós temos por parte do consumidor com relação à qualidade do combustível. O objetivo, então, é verificar a questão da qualidade e quantidade dos combustíveis que estão sendo comercializados em Guarapuava”, observa.

O Ipem testou se a quantidade de combustível vendida é a mesma posta no tanque dos automóveis, já os representantes da ANP recolheram amostras dos combustíveis para análise laboratorial dos componentes para a possível detecção de adulteração.