BRDE reforça atuação durante a pandemia e registra melhor resultado nominal já alcançado

Foram mais de R$ 2,3 bilhões em operações de crédito no primeiro semestre de 2021. No paraná, o montante aprovado no período para empreendedores alcançou R$ 1,012 bilhão – 44% do valor contratado nos três estados do Sul foram por meio da agência paranaense

Com mais de 2,3 bilhões em operações de crédito aprovadas no primeiro semestre deste ano, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) fechou o período com saldo positivo de R$ 130,495 milhões nos estados da região Sul, sua área de abrangência. É o melhor resultado nominal já alcançado pela instituição, quando considerado o período de janeiro a junho.

No Paraná, o volume total de crédito aprovado nos primeiros seis meses de 2021 para empreendedores clientes alcançou R$ 1,012 bilhão. Do montante contratado pelo BRDE no semestre, nos três estados, 44% foram por meio da agência do Paraná.

IMPACTOS

As operações contratadas pelo BRDE de janeiro a junho somaram R$ 1,223 bilhão na Região Sul. Apenas no Paraná foram R$ 540 milhões. Estima-se que esse montante tenha possibilitado a manutenção e/ou criação de aproximadamente 18 mil postos de trabalho com a viabilização de investimentos no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande Sul. Já em termos de arrecadação de ICMS para os estados onde o banco opera a projeção é de um incremento na casa de R$ 82,1 milhões/ano.

Na avaliação do vice-presidente e diretor de Operações do banco, Wilson Bley Lipski, além de sua parceria histórica no fomento aos projetos de longo prazo, o banco vem dando uma resposta positiva, mesmo ainda em meio a um contexto de incertezas, em especial no apoio aos setores mais afetados pela pandemia da Covid-19.

“Sem se afastar da missão maior de ser um parceiro estratégico para o desenvolvimento econômico e social da Região Sul, o primeiro semestre deste ano demonstra que o BRDE caminha alinhado com os novos tempos”, destacou Bley. “Criamos programas de estímulo ao empreendedorismo das mulheres, dos jovens, à economia criativa, às microfinanças e para capital de giro para empresas de menor porte. Os temas da sustentabilidade ambiental e social fundamentam nossas ações”, afirmou.

REGIÃO SUL

Nos primeiros seis meses do ano, o banco já acumula R$ 2,334 bilhões em operações de crédito aprovadas. Um total de 1.393 contratos de empréstimo e financiamento já foram assinados, em especial em favor do setor agropecuário (823 contratos). O segmento do comércio e serviços responde por outras 291 operações, seguindo das áreas de infraestrutura (141) e indústria (138).

Em termos de operações contratadas, o crescimento foi de 3,5%, na comparação do primeiro semestre de 2020 e de 2021.

Com destaque para o resultado operacional e uma forte recuperação de créditos, o incremento do patrimônio líquido do BRDE foi 57% nos seis primeiros meses deste ano, em relação a igual período de 2020.

“Trata-se de um resultado muito expressivo se considerarmos o cenário econômico ainda fortemente impactado pela pandemia. Demonstra o quanto a instituição está preparada para auxiliar os diferentes setores para uma retomada dos investimentos”, afirmou Bley.

DIVERSIFICAÇÃO

Na primeira metade do ano, o BRDE intensificou a parceria com instituições financeiras internacionais. Essa diversificação de seu funding permitiu, em especial, financiar capital de giro e um maior apoio a projetos na área de geração de energia com fontes renováveis.

Ao mesmo tempo, no esforço de ampliar o volume de crédito disponibilizado, o banco tornou-se o principal repassador nacional do Programa Agrícola Prodecoop – para desenvolvimento de cooperativas –, do Programa para Construção e Ampliação de Armazéns (PCA), das operações via Canais Digitais para o Setor Público e do Pronaf Investimento.