Músico com trajetória por Guarapuava se apresenta hoje (21) no projeto ‘Toca uma pra mim’

Show online de Kaio Miotti, fechamento de Museus, Festival Reggae Roots Cultural SP, filme “Trópico Fantasma”, banda Sabbatariam… confira as notas sobre cultura e entretenimento desta sexta-feira, dia 21 de maio

O projeto musical “Toca uma pra mim” tem apresentação programada para a noite desta sexta-feira (21 maio). Trata-se do cantor/compositor Kaio Miotti, que é jornalista formado pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) de Guarapuava, cidade onde participou ativamente da cena cultural.

O show online será às 20h desta sexta-feira, com ingresso pago. Funciona assim: você adquire o ingresso por apenas R$ 5 pelo Pix: 11174037938 (que é o número do CPF). Depois, envia o comprovante para o e-mail [email protected] Em seguida, vem a resposta com o link da live. Também é possível pela plataforma Sympla (https://www.sympla.com.br) – ou AQUI.

Segundo Miotti, esse show virtual terá cerca de dez minutos de prosa entre ele e os produdores. “Em seguida, verão em primeira mão um pocket show meu: eu, violão e gaitinha de boca, tocando e comentando essas songs que farão parte do meu novo e próximo disco: ‘Baladas para não dormir’ é o título, produzido e lançado graças aos excelentes profissionais lá de Londrina, como ControVento Produções, Chris Vianna e Carlos Fofaun; Estúdio Meyer Daniel Boaro; Vila Cultural Cemitério de Automóveis, Londrix Festival Nacional Literário de Londrina, além de outros parceiros”.

Discos
Ao longo de sua trajetória, Miotti gravou “Vira Lata Hoje” (2013), EP produzido por Fábio Brum, gravado em cinco dias alucinantes na cidade de Guarapuava, no estúdio dos irmãos Alessandro Küster e Leandro Küster. Capa e contracapa de Lauri dos Santos. Outro é “Entidade Perdida – No meio da explosão” (2018), EP composto e produzido em Umuarama (PR) por Duda Victor, Augusto Silva e Kaio Miotti, e gravado numa tarde de domingo em Cruzeiro do Oeste (PR), estúdio JG Gimenes. Artes de Marcelo Galvan, João Oliveira e Edu Tadeu.

Projeto
O projeto “Toca uma pra mim” é da Vila Cultural Cemitério de Automóveis (de Londrina, PR), em parceria com Estúdio Vaca Records, Estúdio Meyer e ControVento Produções e agência de publicidade 3. Segundo informações, o projeto consiste em produzir desde a gravação, até assessoria, divulgação e venda dos ingressos que serão revertidos para os músicos que se encontram fora dos palcos e precisando de recursos para enfrentar esses dias pandêmicos.

Projeto cultural abre espaço para artistas afetados pela pandemia (Foto: Reprodução)

Museus
Com as novas regras para enfrentamento da Covid-19 em Curitiba, de acordo com o Decreto nº 890/2021, publicado pela Prefeitura de Curitiba no dia 18 de maio, e com o Decreto nº 7672, publicado pelo Governo do Estado em 17 de maio, a Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura, por meio da Superintendência-Geral da Cultura, informa que os museus do Paraná, em Curitiba, estarão fechados no sábado e domingo. A decisão se mantém pelo menos até o dia 26 de maio, caso o decreto da prefeitura não seja prorrogado. Depois disso, vale o decreto do Governo do Estado que, caso não seja estendido, mantém os museus fechados aos domingos até o dia 31 de maio.

Festival
O Festival Reggae Roots Cultural SP acontece até o dia 2 de julho, de forma online e gratuita, todas as terças e quintas-feiras, às 19h30, com shows e debates na programação. Entre os confirmados, os artistas Jah Queens Sounds – Jahpam e Kakau, Fernando Mogli, Menno Amaral, Peter Young Lion, Ras Maclaude, Sue Cavalcante, Fabricio Picone, Manojotajota, Babi Roots, Nena Paixão, Adriano Conceição Oliveira Marchi, Sistah Mari, Danilova, Dhone Ranks, Pitee Batelares, entre outros.

Festival 2
O encerramento acontece no dia 2 de julho, com a apresentação da idealizadora e curadora do evento, a cantora Talita Cabral (que lançou seu álbum solo em 2019 e é backing vocal da banda Mato Seco). O show contará com a participação do músico Jota Pê Rocha, do Rio Grande do Sul. Diversos artistas de peso já passaram pelo festival, entre eles a cantora Regiane Cordeiro, MaySistah, Tikinho do Brazil, Luana Faddlei a Fadinha Roots, O Canto da Fada, Cultura Nigguz Rastafari (etimologia, cultura e tradições), A Força Da Ômega, entre outros.

Festival 3
O Festival Reggae Roots Cultural SP é realizado com apoio do edital de apoio à criação artística – Linguagem Reggae – da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Encerramento acontece no dia 2 de julho, com a apresentação da idealizadora e curadora do evento, a cantora Talita Cabral (Foto: Assessoria)

Filme
Uma das sensações da crítica, com 91% no site Metacritic e 100% no Rotten Tomatoes, o filme Belga “Trópico Fantasma”, dirigida por Bas Devos, estreia nesta sexta (21 maio) na Supo Mungam Plus (www.supomungamplus.com.br), plataforma brasileira de streaming focada em cinema independente e autoral.

Enredo
Selecionado na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes e premiado com Melhor Direção no Festival de Cairo, “Trópico Fantasma” conta a história de Khadija, de 58 anos, que adormece no trem, depois de um longo dia de trabalho. Quando ela acorda no final da linha, ela não tem escolha a não ser voltar para casa a pé. Em sua jornada noturna, ela pede ajuda e também ajuda os outros habitantes da noite, seguindo seu caminho para casa.

Estilo
Em “Trópico Fantasma”, a leveza tocante do diretor Bas Devos se combina com a riqueza das imagens em 16 mm de Grimm Vanderkerckhove criando uma pequena maravilha de narrativa humanística, com atuação memorável de Saadia Bentaïeb (“Custódia”). O filme é uma prova do drama cotidiano da vida dos imigrantes e que aborda a possibilidade de bondade e beleza, mesmo na escuridão da noite.

Diretor
Bas Devos nasceu em Zoersel, Bélgica, em 1983. Depois de fazer quatro curtas-metragens, completou seu primeiro longa-metragem, “Violet” (2014). O filme foi exibido na Generation do Festival de Berlim, onde ganhou o Grande Prêmio do Júri Internacional da Generation 14 Plus. Seu segundo longa, “Hellhole” (2019), estreou na Panorama do Festival de Berlim e ganhou o prêmio de Melhor Direção em Hong Kong. “Trópico Fantasma” (2019), estrelado por Saadia Bentaïeb, é seu terceiro filme e estreou na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes.

“Trópico Fantasma” conta a história de Khadija, que adormece no trem, depois de um longo dia de trabalho (Foto: Divulgação)

Single
A Sabbatariam acaba de lançar o single “Rotting is Little For U” em seu canal no YouTube. Oriunda de Ouro Branco (MG), essa banda inicia as ações de comemoração de 20 anos. O Lyric Video faz parte do EP “20 Years” que será lançado oficialmente no dia 25/05 (terça-feira) em todas as plataformas digitais. O Lyric Video foi produzido por Marcelo Zed e está disponível no canal da banda no YouTube.

Single 2
Em “Rotting Is Little For U”, a banda buscou inserir elementos modernos na sonoridade e construção da música. A letra proporciona a reflexão sobre a velha estrutura das relações sociais, desigualdades e suas divisões de classe. Walter, vocalista e principal responsável por escrever essa faixa destacou: “Seja guerras, conflitos, polarização política da população e/ou maldade humana, sempre há por debaixo dos panos interesses políticos de uma forma direta ou indireta. São ratos vestidos de pinguins ‘sentido figurado’ que enganam e destroem sonhos e vidas, comem os melhores pratos que essa terra oferece e seus seguidores se contentam com migalhas, muitos deles passam até fome. Mas o relógio é rápido, colhemos o que plantamos, um dia a casa cai”.

EP
O EP “20 Years” trará regravações e inéditas, a sonoridade continua calcado no Metal Extremo Progressivo. A capa ficou a cargo do illustrador @cadiesart e a mixagem ficou com o ótimo engenheiro de som Bruno Bassani (@brunombassani).