Estado finaliza compra emergencial de insulina; distribuição às regionais de saúde já começou

A compra emergencial, no valor de R$ 1,08 milhão, vai suprir a demanda do Estado por 30 dias; a Sesa segue constantemente solicitando a previsão de envio de nova remessa, mas o Ministério da Saúde ainda não confirmou a data de entrega

A secretaria estadual da Saúde (Sesa) efetivou um processo de compra emergencial de 38 mil canetas do medicamento Insulina Análoga de Ação Rápida, que faz parte do elenco do grupo 1A do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (Ceaf), de aquisição centralizada pelo Ministério da Saúde. O medicamento já está sendo distribuído para as 22 Regionais de Saúde do Paraná.

“É um medicamento de extrema importância para o tratamento dos pacientes que sofrem da diabetes tipo 1. Ficar sem a insulina pode gerar graves complicações para a saúde. Para minimizar essa falta e devido ao atraso de entrega por parte do Ministério, iniciamos esse processo emergencial de compra. Até esta quarta-feira (28) as 22 Regionais de Saúde já estarão com o medicamento para ser disponibilizado aos pacientes”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A compra emergencial, no valor de R$ 1,08 milhão, vai suprir a demanda do Estado por 30 dias. A Sesa segue constantemente solicitando a previsão de envio de nova remessa, mas o Ministério da Saúde ainda não confirmou a data de entrega.