Celso Góes anuncia prorrogação de decreto municipal até 6 de junho

Durante a transmissão, Góes ressaltou que não “tem lugar para mais ninguém”, referindo-se à ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e enfermaria

O prefeito de Guarapuava, Celso Góes (Cidadania), anunciou durante live nesta segunda-feira (31 maio) a prorrogação dos decretos municipais 8.725/2021 e 8729/2021 até o próximo domingo (6 de junho). Dessa forma, as atuais medidas de enfrentamento à Covid-19 permanecem em vigor no município. 

Durante a transmissão, Góes ressaltou que não “tem lugar para mais ninguém”, referindo-se à ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e enfermaria.

“Nós conseguimos, nesses dias de restrições que fizemos até agora, uma leve queda nos nossos casos. Existe uma tendência de queda, no entanto a situação continua muito grave. Nós precisamos da ajuda de todos vocês, para que a gente consiga, o mais rápido possível, desafogar nosso sistema de saúde, que está em colapso”, disse Celso. 

O prefeito também disse que a continuidade das restrições de circulação durante esta semana vai ocasionar um “esvaziamento do sistema de saúde”. Na sequência, poderão ser adotadas medidas mais flexíveis. 

RELEMBRE

Com a prorrogação das atuais medidas de enfrentamento, ficam mantidas as restrições de funcionamento de estabelecimentos comerciais não essenciais durante esta semana. À exceção de mercados, farmácias e postos de combustíveis, o comércio deve permanecer fechado, com atendimento na modalidade delivery.