Guarapuava, 20 de abril de 2019
Esporte

Para comemorar seu aniversário de 68 anos, o Rubro-Negro da Baixada enfrenta o Prudentópolis em dois amistosos (Sub-19 e profissional) neste domingo (17 março), no Estádio Waldomiro Gelinski

-

O domingo (17 março) será de festa no Estádio Waldomiro Gelinski, em Guarapuava. Afinal, a Associação Atlética Batel (AA Batel) completará 68 anos de fundação – a criação do clube foi em 17 de março de 1951.

Denominado de “Batel Day”, o evento terá praça de alimentação, bar e um parque de diversões para garantir a diversão de toda a família batelina. Mas, claro, a principal atração da tarde será o duelo entre Batel e Prudentópolis, em dois jogos amistosos (Sub-19 e profissional).

O técnico batelino Dudu Sales garante que o clima de festa será apenas nas arquibancadas. Em campo, a equipe principal do Rubro-Negro da Baixada terá objetivos claros de testar os jogadores e fazer uma partida competitiva. “Eu acho que todos os jogos são importantes pra gente. Principalmente agora no início, quando estamos numa caminhada satisfatória com o que vem apresentando o grupo. Então, é esquecer um pouco a questão do amistoso e levar como se fosse um jogo de três pontos”.

Segundo o professor, a ideia é iniciar a partida com a formação considerada titular, que tem atletas como Anderson Testa (goleiro), Dipão (zagueiro), Robson (volante) e o recém-contratado Lúcio (lateral) na equipe. Depois, fazer a troca gradativa em todas as posições para testar o plantel que trabalha desde o início da pré-temporada.

REFORÇO

Um dos jogadores aguardados pela torcida batelina é o lateral-esquerdo Lúcio. Com passagens por São Paulo, Palmeiras e Grêmio (RS), o experiente atleta (39 anos) foi anunciado nesta semana como a “maior contratação da história” do Batel.

Mal chegou a Guarapuava, o “veterano com fôlego de menino” já iniciou os treinamentos nesta quinta-feira (14 março). Na manhã desta sexta-feira (15 março), a reportagem do CORREIO acompanhou os trabalhos no campo anexo ao Estádio Waldomiro Gelinski. O que se viu foi um Lúcio participativo, orientando seus colegas, e com subidas perigosas ao ataque. Sem contar que o atleta está em boa forma.

O lateral Lúcio (com a bola) é a nova contratação do Batel (Foto: Douglas Kuspiosz/Correio)

DISPOSIÇÃO

Segundo Dudu Sales, Lúcio veio disposto, pois não estava parado. “Pretendemos utilizá-lo já no amistoso contra o Prudentópolis. Ele [Lúcio] está bem fisicamente e pediu pra ir ao trabalho ontem [quinta-feira]”, destacando que o lateral vem para somar, tanto dentro quanto fora de campo.

Aliás, Lúcio é uma peça com versatilidade no Batel. O técnico diz que ele deve ser utilizado na lateral esquerda, meio de campo ou até mesmo nas beiradas, pois apoia o ataque em rápidas triangulações. “A gente está satisfeito pela contratação”, afirma Dudu.

NOVIDADES

Com um grupo em torno de 20 atletas, Dudu Sales avalia que serão necessárias mais quatro ou cinco peças para reforçar o time. “Acredito que o grupo já está bem fortalecido, bem unido e fechado”, explicando que a diretoria do clube tem escolhido a dedo as contratações recentes.

Na parte da manhã desta sexta-feira (15), jogadores do Batel participaram de treinamento em campo anexo ao Estádio Waldomiro Gelinski (Foto: Douglas Kuspiosz/Correio)

TORCIDA

O técnico quer a participação da torcida batelina neste primeiro desafio do Batel em seu estádio na temporada de 2019. “É uma torcida apaixonada. A gente conta muito com esse apoio para ter sucesso”, diz Dudu Sales.

A entrada para o evento deste domingo (17 março) será gratuita, mas a diretoria batelina pede a doação de um quilo de alimento não perecível que será destinada a entidades de Guarapuava e região.

Os portões do Waldomiro Gelinski serão abertos às 11h e as partidas do Sub-19 e profissional estão marcadas para 13h30 e 15h30, respectivamente.

 

**********No vídeo a seguir, entrevista com o jogador Lúcio e o técnico Dudu Sales:

Veja Também