Guarapuava, 15 de setembro de 2019
Cotidiano

A participação da comunidade é fundamental, pois a oficina faz parte da terceira etapa do Plano de Mobilidade Urbana, momento em que serão apresentadas as diretrizes e propostas para melhorias nas condições de mobilidade do município

-

A população guarapuavana poderá participar de mais um importante passo na execução do plano de mobilidade urbana.

No próximo dia 29 de agosto, às 18h30, as equipes da Setran (Secretaria de Trânsito e Transporte) e da empresa Urbtec irão promover mais uma oficina comunitária, no auditório da Secretaria de Trânsito. A proposta é ouvir as demandas da população, criando soluções para melhorias no trânsito do município.

“É o momento ideal para a participação da comunidade. Esta é uma oportunidade para que todos possam apresentar suas sugestões para a mobilidade urbana”, declarou o secretário de Trânsito e Transportes, José Airson Horst.

A participação da comunidade é fundamental, pois a oficina faz parte da terceira etapa do Plano de Mobilidade Urbana, momento em que serão apresentadas as diretrizes e propostas para melhorias nas condições de mobilidade do município. Entre os principais pontos a serem discutidos estão o transporte coletivo, sistema viário, ciclovias e as condições das ruas e calçadas.

Além do evento aberto à comunidade, outras oficinas estão previstas para identificação, análise e discussão das diretrizes e propostas junto ao corpo técnico da Prefeitura de Guarapuava e com representantes do poder executivo e legislativo.

AÇÕES

O Plano de Mobilidade Urbana de Guarapuava prevê ações que potencializem a inclusão social com a melhoria da mobilidade da população.

Segundo o gerente de Trânsito da Setran, Adalberto Campos, a comunidade tem a oportunidade de participar efetivamente apresentando propostas. “Aguardamos a presença das entidades organizadas e da população para o evento, assim todos podem contribuir”, convida Adalberto.

OBJETIVO

O Plano também deverá apontar as melhorias necessárias na estrutura viária, integrar novas áreas urbanizadas com maior variedade de modais e incentivar o uso do transporte coletivo e modais não poluentes.

HISTÓRICO

Desde o início deste ano, a questão da mobilidade urbana entrou de vez na agenda de discussões e planejamentos do município de Guarapuava.

O “start” foi dado em fevereiro de 2019, quando a Prefeitura assinou a ordem de serviço para que a Urbtec Planejamento e Consultoria iniciasse os estudos para elaboração do Plano de Mobilidade Urbana.

Em outras palavras, isso tinha o significado de pensar o futuro da famosa “terra do lobo bravo” em termos de infraestrutura e demandas do sistema de mobilidade dos guarapuavanos. Ou seja, o deslocamento por meio de veículos motorizados (automóvel, por exemplo), transporte coletivo (ônibus), bicicletas, a pé, entre outros.

De lá para cá, a empresa contratada promoveu atividades, tais como pesquisas, oficinas, encontros, levantamentos técnicos. E também uma audiência pública aberta a toda a comunidade foi realizada ao final de julho na Câmara de Vereadores.

SERVIÇO

Oficina Comunitária do Plano de Mobilidade de Guarapuava

Data:​ 29/08, a partir das 18h30

Local:​ Auditório da Setran - Avenida Sebastião de Camargo Ribas, 2.301 (na Rodoviária de Guarapuava)

Veja Também