Guarapuava, 21 de outubro de 2019
Segurança

Camila Aparecida Ferreira (22 anos) chegou a ser encaminhada para um hospital de Turvo, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil investiga o caso

-

O Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava identificou o corpo da vítima esfaqueada na PR 466 em Turvo, durante a tarde desta quarta-feira (18).

Camila Aparecida Ferreira (22 anos) chegou a ser encaminhada para o Hospital Bom Pastor, localizado no município onde o crime ocorreu  (a 40 km de Guarapuava) , mas não resistiu aos ferimentos.

O corpo deu entrada no instituto às 15h10. Ainda não se tem informações sobre o autor do crime, que segue sendo investigado pela Polícia Civil.

PRISÃO

De acordo com informações do boletim policial, a jovem e o autor se encontraram para uma conversa na localidade Cachoeiras dos Turcos, quando se desentenderam e o homem sacou um canivete e atingiu a vítima com três golpes.

O autor deixou a jovem nas margens da rodovia PR 466, e fugiu em um Ford/Fiesta.

Posteriormente, a PM encontrou a casa da irmã do homem, que estava escondido no local e confessou aos policiais que teria cometido o crime.

Camila chegou a ser socorrida por uma ambulância e encaminhada para o Hospital Bom Pastor, mas veio a óbito na unidade hospitalar. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava, onde deu entrada às 15h10.

O assassino foi preso e encaminhado para a 14ª Subdivisão Policial (SDP) de Guarapuava.

Veja Também