Guarapuava, 25 de agosto de 2019
Segurança

O jovem Nicolas Lacheski prestou depoimento na delegacia da Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (21). Foi lavrado um termo circunstanciado

-

O youtuber Nicolas Lacheski, que entrou e gravou um vídeo na Escola Municipal Raul Henrique Lupatelli, prestou depoimento à Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (21).

Em nota divulgada à imprensa, a PF afirmou que cumpriu um mandado de busca e apreensão e recolheu computadores, celulares, mídias e uma pequena quantidade de maconha na residência do rapaz.

As autoridades apontam que Nicolas precisou se esclarecer porque teria tentado invadir o sistema de internet da delegacia da PF em um outro vídeo gravado no dia 8 de março, representando “evidente desprestígio à instituição policial”. Ou seja, não há relação com a gravação na unidade de ensino.

À Rádio Cultura, o delegado Marcus Vinícius Mesquini afirmou que o objetivo da operação foi confirmar se Nicolas teria invadido de algum modo o sistema de internet da corporação.

Devido ao porte de drogas, o jovem precisou assinar um termo circunstanciado.

Veja Também