Esporte

Campeonato Sub-19 tem confronto de rubro-negros em Curitiba

O Batel enfrenta neste sábado (11) o Atlético Paranaense em partida que abre o 1º turno da 2ª fase do campeonato estadual da categoria. Além da equipe da Capital, outro favorito no Grupo E é o Londrina
(Foto: Ilustrativa/Arquivo/Correio)

Terceiro melhor time do Grupo A na 1ª fase, o Batel Sub-19 chega “zerado” neste sábado (11), em Curitiba. Longe de casa, os “Meninos da Baixada” iniciam sua caminhada na nova etapa do Campeonato Paranaense da categoria. E logo de cara uma pedreira: Atlético Paranaense, um clube de nível de Primeira Divisão (Brasileiro e Paranaense).

O rubro-negro da Baixada vem embalado com dez jogos de invencibilidade para enfrentar o todo-poderoso rubro-negro da Capital. Segundo o técnico batelino Dudu Sales, o foco é na vitória, mas os jovens atletas de Guarapuava têm consciência da dificuldade que é jogar contra um dos favoritos à vaga no Grupo E dessa 2ª fase do certame. “Mas se viermos com um ponto, damos um passo muito grande para a classificação”, avalia o comandante.

Aliás, a chave tem outro favorito, o Londrina. Em nível superior de competitividade, o Tubarão do Norte praticamente passeou durante a 1ª fase, no Grupo B; afinal, os londrinenses ganharam todos os seus 14 jogos.

No entanto, o “professor” Dudu acredita em seus comandados. A preparação para essa fase da competição iniciou duas semanas atrás, quando o Batel já estava praticamente classificado. “Agora é permanecer com foco total”, afirma o técnico batelino, destacando que o elenco rubro-negro evoluiu ao longo do Paranaense. “Acho que vamos surpreender, pois uma vaga a gente pode conquistar”.

FASE

No último domingo (5), o Batel encerrou o ciclo de contratações do Sub-19 com a chegada do meio-campista Felipe Delgado. O jovem talento veio diretamente da Colômbia para se integrar ao futebol brasileiro. Caso sua documentação esteja regularizada, ele pode estrear já neste sábado, contra o Atlético Paranaense.

“Agora, é pensar nessa segunda fase. Pensar numa nova competição que é agora e buscar a nossa classificação”, avalia o técnico Dudu Sales.

O treinador deve contar com todos os atletas do plantel à sua disposição. A princípio, jogadores em condições físicas para servir o Batel.

A semana foi de treinos intensos para o jogo de estreia na 2ª fase (Arquivo/Correio)

TABELA

Os “Meninos da Baixada” abrem sua participação no 1ª turno da 2ª fase neste sábado (11), às 15h, no CT do Caju, em Curitiba. Depois, o Batel recebe o Apucarana Sports no dia 18, às 15h, no Estádio Waldomiro Gelinski. Inclusive, o rubro-negro está invicto em seus domínios.

A terceira rodada será no dia 25 de agosto, às 15h, no CT SM Sports, em Londrina. O time guarapuavano enfrenta o temível Tubarão.

Em 1º de setembro, às 15h, tem Apucarana x Batel no Estádio Mun. José dos Santos, em Ibiporã.

Já no dia 8 de setembro, o Batel pretende ser um anfitrião indigesto contra o Londrina, no Waldomiro Gelinski, às 15h. Em seguida, no dia 15 de setembro, o rubro-negro de Guarapuava encerra sua participação na 2ª fase em casa novamente, contra o Atlético Paranaense.

Segundo Dudu Sales, a equipe batelina foi favorecida com essas duas partidas seguidas em Guarapuava, na reta final da segunda etapa.

O regulamento estabelece que se classificam para a 3ª fase os dois clubes com o maior número de pontos ganhos em cada um dos grupos (1º e 2º colocados), considerados os resultados exclusivamente obtidos nesta fase.