Guarapuava, 17 de December de 2018
Esporte

A maratona é considerada uma das mais difíceis do Brasil e, apesar de ser uma atleta amadora, a acadêmica da Guairacá pode desfrutar da sensação de dividir o pódio com maratonistas profissionais

-
(Foto: Divulgação)

A acadêmica Michele de Oliveira Leal, do curso de Educação Física da Faculdade Guairacá, comemora mais um grande resultado: o 5º lugar geral nos 42 quilômetros da Maratona Internacional de Foz do Iguaçu – Sesc Paraná. O percurso realizado no dia 30 de setembro, da Itaipu até o Parque das Cataratas, foi finalizado pela atleta em 3 horas, 12 minutos e 33 segundos.

A maratona é considerada uma das mais difíceis do Brasil e, apesar de ser uma atleta amadora, a acadêmica da Guairacá pode desfrutar da sensação de dividir o pódio com maratonistas profissionais. “A sensação de passar a linha de chegada e subir no pódio com as elites não tem explicação. Só quem corre sabe o quanto é importante”.

Essa é a terceira vez que Michele participa da Maratona Internacional de Foz do Iguaçu. Ano passado ela ficou em sétimo na colocação geral. “Esse ano eu foquei nos treinos já visando essa prova. A meta agora é focar e tentar melhorar cada vez mais”.

A próxima competição de Michele será a Meia Maratona de Toledo do Rotay Club, dia 21 de outubro.


Veja Também