Guarapuava, 24 de junho de 2019
#curta!

Nadir Vozivoda, titular da pasta municipal de Cultura, acredita que é importante descentralizar a área no Paraná, aumentando a visibilidade de municípios menores

-

A área cultural de Prudentópolis vem ganhando destaque nos últimos anos e é vista como uma forma de alavancar o potencial turístico da cidade. A parceria com a comunidade ucraniana, por exemplo, é uma das estratégias adotadas pela administração municipal.

Durante uma audiência pública realizada no campus Santa Cruz da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), em Guarapuava, que debateu novas políticas para o setor, a secretária de Cultura, Nadir Vozivoda, afirmou a este CORREIO que espera que ocorra uma descentralização na área.

“Nós, municípios menores, sempre estávamos de lado… acho que [a audiência] é uma forma de aproximar”, relatou.

Em relação a isso, a superintendente de Cultura do Paraná, Luciana Casagrande Pereira, ressaltou que o momento é promissor, e que uma política municipalista é uma das diretrizes da atual gestão.

APRENDIZADO

De acordo com Vozivoda, a área vem recebendo bons incentivos da Prefeitura de Prudentópolis, já que o prefeito Adelmo Luiz Klosowski vê com bons olhos o desenvolvimento do setor.

Em linhas gerais, a secretária acredita que a cultura pode ser uma alavanca para o município, justamente pelas singularidades que possui. “Temos uma descendência europeia”, diz, ressaltando que isso pode ajudar na expansão turística.

INVESTIMENTOS

À comunidade, a pasta oferece 20 cursos nas áreas de dança, artesanato, música etc. Somente em 2019, mais de 1.400 alunos foram matriculados e desenvolveram as atividades.

Além disso, Nadir explica que está sendo criado um arquivo histórico do município.

UCRANIANOS

Há quase 30 anos, o Museu do Milênio apresenta um marco representativo da chegada dos ucranianos ao Brasil e em Prudentópolis. Seu acervo é formado por objetos, mobílias, fotografias e documentos, além de outros materiais.

A secretária aponta que é através do museu que se identifica quantos visitantes estão passando pelo município, já que é uma parada obrigatória na cidade.

“A comunidade tem muitas coisas que desenvolve na área cultural. Já estamos fazendo vínculos, criando parcerias. Acho que no futuro próximo vai dar muitos resultados”, finaliza.

Veja Também