Morre Elza Soares, aos 91 anos

Cantora morreu em casa, no Rio de Janeiro. De acordo com informações de sua assessoria, por meio de nota no Instagram, a intérprete teve morte por causas naturais

O canto virtuoso de Elza Soares se calou nesta quinta-feira (20 janeiro). A cantora de 91 anos de idade morreu em casa, no Rio de Janeiro. De acordo com informações de sua assessoria, por meio de nota no Instagram, a intérprete teve morte por causas naturais.

Elza fez sucesso interpretando clássicos como “Se Acaso Você Chegasse”, cuja gravação lançou em 1960. Seu disco mais recente, “Planeta Fome”, é de 2019. Aliás, os trabalhos mais recentes representam uma fase de rejuvenescimento musical, graças a parcerias com produtores e compositores da nova geração. E olhar atento para causas como racismo e violência contra a mulher.

Em 2020 Elza foi homenageada como enredo da escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel. Ela chegou a ser intérprete de sambas da agremiação.

Segundo o jornal O Estado de S.Paulo, Elza morreu no dia em que se completam 39 anos da morte de Garrincha, jogador de futebol com quem foi casada de 1966 até 1982. Eles tiveram um filho, Garrinchinha, que morreu em 1986, em um acidente de carro.