Departamento de Cultura de Guarapuava anuncia 2ª edição da mostra Viva Dança

“Será uma programação recheada de muita dança, que vão desde grupos independentes até as tradicionais escolas de dança da cidade”, diz o Departamento dirigido por Rita Felchak. Mais informações na coluna NOTAS TROPICAIS

O Departamento de Cultura do município de Guarapuava anunciou, em suas redes sociais, a 2ª edição da mostra Viva Dança para 2022. O evento ocorrerá no próximo dia 29 de abril, Dia Internacional da Dança, no Teatro Municipal Marina Karam Primak. Serão duas sessões: uma às 18h e outra às 20h.

“Será uma programação recheada de muita dança, que vão desde grupos independentes até as tradicionais escolas de dança da cidade”, diz o Departamento dirigido por Rita Felchak.

Segundo informações, os ingressos (que são limitados) poderão ser retirados na Casa da Cultura (rua Alcione Bastos, 1.821, no Alto da XV) a partir de 18 de abril. Serão apenas duas entradas por pessoa. “No dia do evento estaremos aceitando a doação 1 Kg de alimento não perecível na entrada, que serão destinados as famílias que frequentam o CEU das Artes, que fica localizado no Jardim das Américas”.

Em breve, o Departamento divulgará a programação completa.

Material de divulgação da mostra de 2022

Primeira edição
Em 2021, o 1º Viva Dança ocorreu em novembro, marcando a retomada de eventos culturais com presença de público no Teatro Municipal Marina Karam Primak. Mais de cem dançarinos de Guarapuava participaram do espetáculo, foram 16 apresentações de dança, que representaram diversos estilos como hip hop, balé, dança gauchesca e street dance.

Homenagem
Além de marcar a retomada das atividades culturais na cidade, suspensas há quase dois anos naquele momento, a cerimônia homenageou a bailarina guarapuavana Marina Karam Primak, que faleceu em 2020, nomeando o espaço para Teatro Municipal Marina Karam Primak, conforme a Lei Municipal nº 57/2020 de autoria do vereador e presidente da Câmara, João Carlos Gonçalves.

Quadrinhos
Após o massacre de sua família e de ser deixado para morrer por assassinos contratados, o jovem Abraham, ainda adolescente, consegue escapar da morte. Ele viaja para Nova York em busca de vingança e depois parte rumo à Califórnia e ao México em busca de um recomeço. Nessas viagens, o protagonista se envolve com o submundo do crime na cidade grande, com a recém-criada indústria do cinema e todo seu glamour (e também seu lado sombrio) e até se torna um relutante aliado de Pancho Villa. Criada por um grande artista dos quadrinhos americanos, Joe Kubert, “Abraham Stone” chega ao Catarse em um projeto da editora Tundra: https://bit.ly/3LPMbja

Quadrinhos 3
Editora recém-criada, a Moby Dick está em campanha de financiamento de seu primeiro quadrinho: “Book Tour”. É uma divertida história kafkiana, que toma um rumo surreal quando os problemas do personagem Fretwell começam a aumentar. Link: www.catarse.me/booktour