PRF encerra a Operação Natal 2021 no Paraná

Responsáveis pelas colisões frontais, 406 ultrapassagens irregulares foram registradas durante o feriado, representando mais de quatro flagrantes por hora de operação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, às 23h59 deste domingo (26 dezembro), a Operação Natal 2021 no Paraná. Neste ano, durante os quatro dias de operação, que teve início na quinta (23), agentes da PRF flagraram 100 motoristas dirigindo bêbados; 14 foram presos. 371 condutores ou passageiros estavam sem o cinto de segurança, além de 75 ocasiões em que crianças não utilizavam adequadamente um dispositivo de retenção, como a cadeirinha.

A PRF registrou 99 acidentes, 129 feridos e 12 mortos. Na operação do ano passado, durante o período de restrições impostas pela pandemia, entre os dias 24 e 27 de dezembro, 62 acidentes foram atendidos, 84 pessoas ficaram feridas e outras cinco perderam a vida. Os dados são preliminares e podem sofrer alterações.

Foram registradas 406 ultrapassagens irregulares durante o feriado, representando mais de quatro flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário. Oito pessoas perderam a vida nesse tipo de acidente durante o feriado, número que corresponde a mais de 66% do total de 12 mortos.

Foram fiscalizadas 10,346 pessoas e 10.149 veículos. 2.847 infrações foram registradas pelos policiais, nos cerca de quatro mil quilômetros de rodovias federais da circunscrição da PRF no Paraná. No total, 105 veículos foram recolhidos, por diferentes irregularidades.

Além disso, foram apreendidos pelos policiais rodoviários federais no Paraná mais de 182 quilos de maconha, seis veículos foram recuperados e 36 pessoas foram detidas por diversos motivos.

REGIÃO

A Operação Natal 2021 realizada pela PRF dos Campos Gerais ocorreu entre os dias 23 e 26 de dezembro. Nesse período foram registrados 16 acidentes com 3 mortos e 17 feridos. A saída de pista respondeu por um quarto das ocorrências, seguida de colisão traseira e colisão frontal com 18,75%. As principais causas foram velocidade incompatível e não guardar distância de segurança (18,75% cada), seguida de ingestão de álcool, ultrapassagem indevida e defeito mecânico (12,5%).

O acidente mais grave foi uma colisão frontal que ocorreu em Palmeira, na BR 277, km 180, no dia 24, por volta das 22h35 com envolvimento de três veículos, um Logan e um Palio, ambos de Palmeira e um Gol de Piraquara. Deste acidente resultaram 2 mortes e 2 feridos graves. Em 2020 foram registrados 10 acidentes com 11 feridos.

Durante todo o período da operação houve aumento de efetivo nas rodovias que cortam a região, com os policiais sendo direcionados para os pontos mais suscetíveis de ocorrência de acidentes. As equipes fiscalizaram 680 veículos e 669 pessoas e realizaram 210 testes de etilômetro, desta fiscalização 2 condutores foram flagrados dirigindo sob efeito de álcool e acabou sendo encaminhado à Polícia Civil por crime de trânsito; 19 ocupantes de veículos estavam sem o cinto de segurança e 4 crianças sendo transportadas sem o dispositivo de retenção (cadeirinha); 2 condutores faziam uso do celular enquanto dirigiam; e 25 ultrapassagens indevidas foram flagradas pelos policiais. Quanto aos motoristas profissionais, 2 estavam com e exame toxicológico vencido e 1 foi autuado pela lei do descanso.

No dia 24 houve uma apreensão de 155kg de drogas na BR 277, km 165, região de Palmeira, após o condutor evadir-se de uma abordagem e empreender fuga por alguns quilômetros até abandonar o veículo em uma plantação e fugir para o mato.

Na noite deste domingo (26), a PM em conjunto com a PRF efetuaram a prisão de um indivíduo com mandado de prisão em aberto por homicídio. A abordagem ocorreu por volta das 23h nas proximidades do Posto Furnas.

A PRF orienta os condutores que procurem respeitar as normas de trânsito, evitem excesso de velocidade e ingestão de álcool antes de dirigir e coloca-se à disposição dos usuários por meio do número 191 para qualquer informação à respeito das rodovias, para informar acidentes, ou fazer alguma denúncia.

********Reportagem: Com Agência PRF