Esporte

‘Terceirona’ terá maratona de jogos até o final da 1ª fase

Cada um dos nove times inscritos na 'Terceirona' 2017 pode fazer até duas partidas por semana, com rodadas às quartas-feiras e domingos/sábados. Rubro-negro de Guarapuava estreia nesta quinta (12), em casa, contra o Rolândia
(Foto: Arquivo/Correio)

Até o final da primeira fase, os nove times que disputam o Campeonato Paranaense da Terceira Divisão terão uma verdadeira maratona de jogos com rodadas no meio e fim de semana. Com atraso de quase um mês, a “Terceirona” inicia nesta quinta-feira (12), feriado nacional, com quatro partidas às 15h30.

Para não perder tempo, a Federação Paranaense de Futebol (FPF) marcou partidas às quartas-feiras e fim de semana (sábado e domingo). Ou seja, cada um dos times participantes (incluindo o Batel, claro) entrará em campo pelo menos duas vezes na semana. O único descanso será para aqueles que folgarão em suas respectivas rodadas, pois a tabela não fecha totalmente em razão do número ímpar de equipes – por exemplo, na primeira série é o Grecal que “descansa”.

“Com a maratona de partidas, as chances são grandes de mais jogadores no departamento médico”, previa o diretor de Marketing do Batel, Solmir Consalter, quando o campeonato ainda estava paralisado.

O rubro-negro guarapuavano fará oito jogos na primeira fase da “Terceirona” 2017, em turno único e sem divisão de grupos, ou seja, “todos contra todos”. Serão quatro jogos em casa e quatro fora. Na rodada de abertura, os comandados do técnico Marcelo H. do Ó recebem, às 15h30, o Rolândia Esporte Clube (REC) no Estádio Waldomiro Gelinski, nesta quinta-feira (12).

TABELA

Em seguida, o Batel viaja até Cambé, onde encara o adversário do Norte do Paraná no próximo domingo (15), às 15h30, em estádio a ser definido pela FPF.

De volta a Guarapuava, o time batelino joga a terceira rodada no dia 18 (quarta-feira), às 15h30, novamente contra um time do Norte, o Arapongas.

Na quarta rodada, o rubro-negro viaja até São José dos Pinhais, onde enfrenta o Independente, no dia 22 (domingo), às 15h30.

Na quinta rodada, tem Batel x Verê, no dia 25 (quarta), às 15h30, no Waldomiro Gelinski.

Os guarapuavanos folgam na sexta rodada; para voltarem a campo na sétima, em combate em Campo Mourão, contra o time da casa, no dia 1º de novembro (quarta), às 15h30.

Na oitava rodada, a equipe batelina recebe o União de Nova Fátima no dia 5 de novembro (domingo), às 15h30, no WG.

E, na nona e última rodada, o Batel joga em Campo Largo, contra o Grecal, no dia 8 de novembro (quarta), às 15h30.

Em nota, a FPF avisa que as datas e horários podem sofrer alterações, devido à força maior.

Clube conta com o apoio do torcedor no WG (Arquivo/Correio)

SEGUNDA

Para a fase seguinte, classificam-se os quatro melhores colocados, na soma geral dos pontos da primeira etapa da “Terceirona”.

Esses times farão a semifinal, sendo divididos em dois grupos com dois clubes (“A” e “B”), fazendo jogos dentro de seus respectivos grupos em partidas de ida e volta.

Como são partidas eliminatórias, em sistema “mata-mata”, vão sobrar as duas equipes que somarem o maior número de pontos ganhos em cada um dos embates. Ambas farão a grande final do campeonato.

Independentemente do campeão, os dois finalistas entram automaticamente na Divisão de Acesso 2018, a popular “Segundona”.