Guarapuava, 18 de setembro de 2019
Cotidiano

No município de Pinhão, Jardim Botânico foi inaugurado e em Cruzeiro do Iguaçu crianças ajudaram a plantar árvores e soltar mil alevinos no Rio Foz do Chopim

-

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo participou nesta quarta-feira (5 junho) de ações em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente em vários municípios.

Foram plantadas árvores e soltos mil alevinos no Rio Foz do Chopim em Cruzeiro do Iguaçu. Participou da inauguração do Jardim Botânico Faxinal do Céu, anexa à Vila de Faxinal do Céu, município de Pinhão, a 340 km de Curitiba.

A Vila de Faxinal do Céu é um espaço desenvolvido pela Companhia de Energia Elétrica (Copel) e abriga famílias de trabalhadores da Usina Hidrelétrica Governador Bento Munhoz da Rocha Neto, além de amplo espaço de área de preservação ambiental, chalés e locais para eventos.

Segundo a superintendente de Meio Ambiente da Copel, Luisa Nastari, a companhia tem como meta promover suas atividades de modo adequado, adotando as melhores práticas ambientais, atendendo a legislação e buscando sempre aprimorar sua forma de gestão ambiental, principalmente o uso sustentável dos nossos recursos naturais. “As exigências ambientais não podem ser vistas como um entrave ao desenvolvimento, mas sim como uma garantia de um desenvolvimento adequado”, diz Nastari. “A natureza é a fonte para todas essas oportunidades”.

JARDIM BOTÂNICO

A área de 152 hectares é um berçário de vegetação nativa, com várias espécies que tiveram grande importância econômica na história do Paraná, como a imbuia e a erva-mate, além de apresentar um cenário com lagos, muitos pinheiros e diferentes folhagens.

O local é responsável também por uma grande parte de produção de mudas nativas e exóticas, que são utilizadas pela Copel em ações de promoção de educação ambiental.

“Fiquei admirado com a diversidade, beleza e cuidado com o meio ambiente dentro do Jardim Botânico e da Vila Faxinal do Céu”, disse o secretário Márcio Nunes. “Esse local é um grande potencial turístico, que poucos conhecem e precisa ser visto”.

VILA

Grande parte da estrutura da vila é sustentável. Com o projeto Vilas Sustentáveis, criado em 2916, os restos de alimentos são recolhidos das mais de 180 casas, além dos hotéis e refeitórios.

Esses resíduos são levados para o viveiro florestal e passam por um processo de compostagem. “Nós iniciamos esse projeto com 11 toneladas de resíduos orgânicos por mês. Hoje passou a ser 50%, por conta do processo educativo desenvolvido”, diz o engenheiro florestal da Copel, Murilo Lacerda Barddal.

Também foi feita uma apresentação representativa do grupo escoteiro sobre a origem da erva-mate e plantadas 3 mudas de árvores.

CRUZEIRO DO IGUAÇU

O secretário Márcio Nunes participou de ações de educação ambiental em Cruzeiro do Iguaçu, região Sudoeste do Estado, como a apresentação do grupo de Teatro Fabrincando, que explicou os cuidados necessários para ter com os aparelhos elétricos, e assim, evitar possíveis incêndios, choques, etc.

Em seguida o secretário, o prefeito de Cruzeiro do Iguaçu, Dilmar Turina, e os alunos das escolas municipais da região fizeram a soltura de mil alevinos no Rio Foz do Chopim e plantaram árvores às margens do rio.

Veja Também