Cotidiano

Merenda Escolar Municipal incentiva alimentação saudável nas escolas e Cmeis de Guarapuava

Quarenta e nove por cento dos produtos que chegam para as merendeiras vêm da agricultura familiar de Guarapuava, através do ‘Vida Rural’, uma iniciativa da Secretaria de Agricultura que favorece a aquisição de alimentos dos produtores familiares
(Foto: Ilustrativa/EBC)

Todos os dias, mais de 17 mil alunos de escolas e Cmeis da Rede Municipal de Ensino têm acesso a uma alimentação saudável, nutritiva e saborosa. Isso porque a merenda escolar é cuidadosamente preparada pela administração municipal. São mais de 150 profissionais, entre merendeiras, nutricionistas e equipe administrativa, envolvidos em todo o processo de produção e preparação.

“Um trabalho em conjunto que tem como objetivo oferecer refeições de qualidade para as crianças e adolescentes da rede municipal”, frisa o prefeito Cesar Silvestri Filho.

A secretária de Educação e Cultura, Doraci Senger Luy, destaca o impacto de uma alimentação saudável na aprendizagem. “Uma boa alimentação influencia diretamente no aprendizado das crianças. Ela interfere na capacidade de memorização, desenvolvimento cognitivo e é a fonte de energia do ser humano, por isso nos preocupamos com a qualidade dos produtos, das receitas preparadas e cada parte do processo que faz parte da merenda escolar”.

Quarenta e nove por cento dos produtos que chegam para as merendeiras vêm da agricultura familiar de Guarapuava, através do programa Vida Rural, uma iniciativa da Secretaria Municipal de Agricultura que favorece a aquisição de alimentos dos produtores familiares para a merenda escolar.

UNIÃO

Com a união da merenda ao Vida Rural, o benefício vai tanto para as crianças que têm acesso a alimentos frescos e saudáveis quanto para as famílias do campo que garantem a venda de seus produtos e aumentam a renda. “A estimativa para o final de 2018 é que a porcentagem de produtos da agricultura familiar que vai para a merenda escolar chegue aos 50%”, destaca o secretário de Agricultura, Ademir Fabiane.

Assim que os produtos chegam às escolas e Cmeis, as merendeiras assumem o papel e dão início à preparação. Vinte e cinco mil refeições são preparadas diariamente, uma média de 5 milhões por ano. “Nas escolas ofertamos uma refeição a cada período, já nos Cmeis, onde as crianças ficam durante o dia todo, são quatro refeições diárias”, destaca a nutricionista e coordenadora do Departamento de Merenda Escolar da Secretaria de Educação e Cultura, Laura Maria Iatskiu Vasconcelos.

Os cardápios são preparados por nutricionistas que selecionam os produtos de acordo com a indicação para cada faixa etária. São frutas, verduras, legumes, hortaliças, proteínas, alimentos ricos em vitaminas, sais minerais e fibras, que promovem os bons hábitos alimentares e contribuem para o melhor desenvolvimento das crianças.