Guarapuava, 20 de agosto de 2019
Esporte

Desde domingo (14 julho), os dois jovens competiam em Suhl (na Alemanha) com outros 72 atletas na modalidade de fossa olímpica. É um tipo de prova em que o objetivo é disparar sobre um número específico de pratos

-

Para tristeza dos brasileiros, os guarapuavanos Leonardo Lustoza e José Ari Dal Pozzo Filho não conseguiram a classificação para a final da Copa do Mundo Júnior de Tiro Esportivo.

Desde domingo (14 julho), os dois jovens competiam em Suhl (na Alemanha) com outros 72 atletas na modalidade de fossa olímpica. É um tipo de prova em que o objetivo é disparar sobre um número específico de pratos.

Mas, no segundo dia de disputas, a jovem dupla de Guarapuava, que representava o Brasil, foi eliminada.

Segundo o site Olimpíada Todo Dia, Lustoza terminou na 9ª colocação, uma abaixo da conquistada na classificação do primeiro dia. Já Dal Pozzo caiu sete posições em relação ao dia 1, ficando com o 51º posto. E Manuel Lopez acabou não competindo. Ao todo, 70 atletas disputaram a prova.

Em contato com a Confederação Brasileira de Tiro Esportivo (CBTE), confirmou-se ao CORREIO que Lustoza ficou apenas a um prato de disputar o Shoot Off para ir à final; e Dal Pozzo, que estava em 44º lugar no primeiro dia, caiu para 51.

Principal promessa brasileira, Lustosa (19 anos) conquistou no início deste mês o título no Campeonato Mundial da modalidade, em Lonato del Garda, na Itália. Naquela ocasião, ele disputou a modalidade fossa olímpica. Essa é a primeira vez que o Brasil conquista o Mundial júnior na fossa olímpica.

HISTÓRICO

Esta não é a primeira vez que os guarapuavanos representam o Brasil em uma competição internacional. Em 2016, Lustoza estreou na Copa, também em Suhl, na Alemanha. Já em 2017, os dois atletas participaram da ISSF Junior World Cup Shotgun, na Itália. Em 2018, ambos voltaram à Alemanha para a disputa.

O turco Murat Ilbilgi se classificou na liderança, seguido pelo italiano Lorenzo Ferrari e pelo britânico Thomas Williams Betts.

Veja Também