Guarapuava, 20 de agosto de 2019
Cotidiano

No lançamento, governador Ratinho Junior afirmou que enfrentamento ao problema deve envolver poder público, família e toda a sociedade. Mês será dedicado a ações de conscientização e prevenção ao uso de drogas

-

O governador Carlos Massa Ratinho Junior lançou nesta terça-feira (4) a campanha Junho - Paraná sem Drogas, que dedica o mês a ações de conscientização e prevenção ao uso de entorpecentes. O governador afirmou que o poder público, a família e toda a sociedade devem trabalhar juntos no enfrentamento do problema.

“O combate às drogas não é preocupação apenas de uma pessoa ou entidade. Toda a sociedade deve estar preocupada em preparar uma geração mais saudável e, acima de tudo, mais preparada para os desafios”, afirmou o governador na solenidade, realizada no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba.

O trabalho do Governo do Estado, ressaltou Ratinho Junior, inclui ações conjuntas das secretarias da Segurança Pública, da Justiça, Família e Trabalho e da Educação e do Esporte. “São mecanismos para dificultar o acesso dos jovens àqueles que estão próximos das escolas para tentar capturá-los para o mundo das drogas” disse.

O secretário da Segurança Pública, Rômulo Marinho, também enfatizou a integração do poder público com a sociedade. “Isso é fundamental no que se refere a drogas. Além do trabalho educativo, políticas públicas são essenciais para tratar do tema”, afirmou, completando que o combate à comercialização de drogas ilegais é prioridade, porque está ligada a outros crimes.

PALESTRAS

Após a abertura do evento, proferiram palestras o secretário Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas, Luiz Roberto Beggiora, e a diretora do Departamento de Prevenção e Reinserção Social do Ministério da Cidadania, Claudia Gonçalves Leite.

“As drogas são uma questão de saúde pública mundial. Uma iniciativa como essa é muito importante para trazer esclarecimentos sobre o tema e deve ser, inclusive, exemplo para outros estados”, disse Beggiora.

CAMPANHA

As atividades do Junho Paraná sem Drogas incluem palestras, concursos e orientações em diversos municípios. Curitiba, por exemplo, concentra as ações entre os dias 24 e 29, com o lançamento da Semana Municipal de Prevenção ao Uso de Drogas, com destaque para o Fórum Popular Contras as Drogas, dia 28, na Câmara Municipal.

O Departamento Estadual de Políticas Públicas Sobre Drogas, vinculado à Secretaria de Estado da Segurança Pública, é quem está liderando as iniciativas. O órgão comandará palestras em Bandeirantes, Paranavaí e Curitiba. “A drogadição é um problema complexo e a melhor forma de tratá-la é a soma de esforços das várias entidades”, afirmou o delegado Renato Figueiroa, diretor do departamento.

A Secretaria da Educação e do Esporte também tem lista extensa de atividades. A pasta aposta no trabalho dentro das unidades estaduais de ensino que aderirem voluntariamente a campanha, com estudos, pesquisas, debates, pautado no currículo escolar e referente ao tema: “Prevenção ao uso de Álcool e outras Drogas”.

Além disso, serão feitas “Rodas de Conversa sobre Drogas”, em 33 escolas, em parceria com o Ministério Público do Paraná e a Secretaria Estadual da Saúde.

A data de 26 de junho foi instituída pela Organização das Nações Unidades como o “Dia Internacional contra o Abuso e o Tráfico Ilícito de Drogas”. No Brasil, é promovida a Semana Nacional de Antidrogas.

(Foto: Geraldo Bubniak/ANPr)

CONCURSO

Outra ação prevista para o mês é o Concurso Estadual de Produção de Material Audiovisual Sobre Drogas, que está em sua terceira edição e também é promovido pelo Departamento Estadual de Políticas Públicas sobre Drogas. Ele é voltado para estudantes do ensino médio de escolas públicas e particulares. As inscrições podem ser feitas pelo site www.politicasobredrogas.pr.gov.br/Pagina/Concurso-Cultural.

No evento de abertura da campanha, foi feita a premiação dos estudantes que venceram a competição no ano passado. Alunas do Colégio Estadual Sagrada Família, de Campo Largo, ganharam na categoria Escola Pública. Já estudantes do Colégio Sesi de São José dos Pinhais foram os vencedores da categoria Escola Privada.

Os vídeos dos primeiros colocados serão transmitidos nas salas de cinema paranaenses, em cumprimento à lei 19.068/17, que obriga a exibição de informe publicitário para esclarecimentos sobre os malefícios do uso de drogas ilícitas e prejuízos relativos ao abuso de drogas lícitas.

CONSELHOS

Atualmente, o Paraná conta com 96 Conselhos Municipais de Políticas Públicas Sobre Drogas, e outros 24 estão em fase de criação. Cada conselho é responsável por promover, em sua região, palestras, seminários, rodas de conversas em escolas e caminhadas. As ações são voltadas ao público jovem e direcionadas à prevenção e conscientização dos malefícios do uso de drogas.

LEI

O Junho Paraná sem Drogas foi instituído pela Lei Estadual 19.121/2017, em substituição a Semana Estadual de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas no Paraná, que era realizada anualmente na última semana de junho.

A proposta é promover durante todo o mês ações para esclarecer a população sobre os riscos do uso e abuso de álcool e outras drogas, e incentivar a busca de orientação, esclarecimento e tratamento, disponível na rede pública de saúde.

Veja Também