Cotidiano

‘É o que existe de mais moderno’, diz secretário

Os contentores de resíduos orgânicos estão sendo instalados aos poucos no Centro de Guarapuava; expectativa é que as 12 unidades estejam disponíveis até o início de junho
Estrutura em funcionamento na Praça Cleve (Foto: Douglas Kuspiosz)

A Prefeitura de Guarapuava investiu aproximadamente R$ 850 mil na aquisição de 12 contentores subterrâneos de lixo orgânico, que estão gradativamente sendo instalados no Centro do município. Somando os gastos com a instalação, o investimento será da ordem de R$ 1 milhão, feito através do Fundo Municipal de Meio Ambiente.

O secretário de Meio Ambiente de Guarapuava, Celso Araújo, explica que o acúmulo de lixo doméstico é prejudicial para a população, já que acaba contribuindo para a proliferação de mosquitos e outros vetores, além, claro, da poluição visual.

“Esses contentores soterrados resolvem toda essa situação. É preciso investir na qualidade do meio ambiente e na saúde pública. São modelos de outros países que já foram instalados em municípios como Campinas (SP) e Indaiatuba (SP)”, explica o secretário.

OBRAS

Nesta terça-feira (15), a Companhia de Serviços de Urbanização de Guarapuava (Surg) está realizando a instalação da quinta unidade no município, que ficará na rua Saldanha Marinho, no quarteirão que faz esquina com a rua Guaíra. Com isso, o trânsito será interrompido até o final da tarde de hoje.

A expectativa é que as obras neste trecho da rua Saldanha Marinho sejam finalizadas até a próxima sexta-feira (18).

Obras desta terça-feira (15) na rua Saldanha Marinho, no Centro (Douglas Kuspiosz)

ARMAZENAMENTO

De acordo com Celso, cada unidade possui dois contentores com capacidade de armazenar até mil litros de lixo orgânico. No total, a capacidade de armazenamento das 12 unidades será de 24 mil litros.

“A principal vantagem é que os contentores ficam soterrados, então só são visíveis na hora da coleta, que é feita diretamente no caminhão com um dispositivo eletrônico”, conta Celso.

CRONOGRAMA

Até o momento, quatro unidades já estão em funcionamento em Guarapuava. Elas estão distribuídas pela rua XV de Novembro, incluindo a Praça Cleve, na região Central do município. Até o fim de maio devem ser instaladas mais três unidades da rua Saldanha Marinho, que irão substituir os containers que ficavam nas calçadas.

Para o início do mês de junho está programada a instalação de unidades na rua Guaíra, próximo ao Terminal da Fonte, e na rua Senador Pinheiro Machado, anexa à Praça Cleve. De acordo com a Prefeitura, duas unidades ainda ficarão no bairro Santa Cruz, nas proximidades da Faculdade Campo Real e da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro).

“Optamos implantar os contentores em locais com alto fluxo de pessoas e comércios, como restaurantes, lanchonetes entre outros, justamente pelo grande volume de lixo produzido e descartado incorretamente.”, completa o secretário, ressaltando que a distribuição foi feita após um estudo realizado por técnicos da secretaria e da Surg.