Guarapuava, 17 de December de 2018
Esporte

Numa parceria da Faculdade Guairacá, Hospital São Vicente e ACPAC, com apoio da Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, a caminhada integra a programação do Outubro Rosa

-
(Foto: Secom/Prefeitura)

É preciso saber viver. Embalados pela consagrada música dos Titãs, os participantes da Caminhada Outubro Rosa transmitiram harmonia, solidariedade e esperança no percurso da Faculdade Guairacá até o Parque do Lago. Mais de duzentas pessoas, usando camisetas do evento segurando bexigas e cartazes rosa, contagiaram quem passava pela rua XV de Novembro.

Numa parceria da Faculdade Guairacá, Hospital São Vicente e ACPAC, com apoio da Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, a caminhada integra a programação do Outubro Rosa. “O objetivo principal da caminhada, assim como de todas as atividades do Outubro Rosa é chamar a atenção das mulheres para escolherem o seu dia para realizarem o exame do câncer do colo do útero, que é o preventivo; e também agendarem as suas mamografias. É um ato pela saúde e o amor próprio”, disse a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Priscila Schran.

Entre as caminhantes, algumas já tiveram câncer, outras seguem em tratamento. Também havia quem sabia bem a importância da prevenção. A escritora Sonia Roth Bruger está em tratamento contra o câncer há 10 anos e, há três, fez a cirurgia de reconstrução da mama. Desde então, ela faz parte do grupo Amigas do Peito, uma iniciativa do Hospital São Vicente de Paulo. “A prevenção do câncer é feita se conhecendo. Eu descobri o meu nódulo com o toque embaixo do chuveiro. Assim como os exames, se conhece é importante também. É fundamental que as pessoas se abram e acabem com o preconceito com o câncer”, explica Sonia.


Veja Também