Guarapuava, 20 de agosto de 2019
Esporte

A entrega dos prêmios foi marcada pela presença do prefeito Cesar Silvestri Filho, juntamente com a família Kaminski, o secretário de Esportes e Recreação, Pablo de Almeida, o árbitro internacional, Uvencio Hernández, e o diretor do torneio, Cesar Souza

-

Reunindo grandes enxadristas da América Latina, o 1º Aberto Internacional de Xadrez terminou no fim de semana passado, com mais de 50 competidores na Sociedade Atalaia, em Guarapuava.

As competições foram divididas em duas modalidades: rápida e blitz. As disputas colocaram em primeiro lugar o brasileiro Roberto Molina, que veio de Minas Gerais para Guarapuava pela fama positiva dos torneios paranaenses. “Meu gosto pelo esporte começou aos sete anos. Aprendi com meus pais e desde então, sou muito grato ao xadrez. Sempre ouvi que os torneios do Paraná têm um grau de excelência, não esperava por este prêmio, estou muito feliz”, declarou o campeão.

No domingo (11), o vencedor foi o mestre argentino do xadrez, Sandro Mareco, que se destacou nas partidas de cinco minutos, da categoria blitz. “Eu joguei os dois torneios e o blitz é interessante. Acho que é o melhor rápido que teve esse ano aqui no Brasil”, elogiou.

SUCESSO

Para o secretário de Esportes e Recreação, Pablo de Almeida, o sucesso do campeonato mostrou o resultado de um investimento no esporte local. “Estamos promovendo o xadrez em Guarapuava há dois anos por meio da Escola de Campeões, e mostramos que temos essa capacidade de retornar a ser um centro do esporte. Além de um campeão brasileiro, tivemos também um guarapuavano entre os 10 melhores durante toda a competição”, avaliou o secretário.

Trazendo orgulho para o município, Eduardo Dotorivo de Sousa, recebeu destaque na categoria de melhor guarapuavano. Para ele, a competição trouxe a lembrança do Torneio Mundial de Xadrez em Guarapuava, organizado pelo homenageado nesta edição, o enxadrista Hermes Kaminski. “Quando Guarapuava foi sede do Torneio Mundial eu fui prestigiar! Eu já participei de 19 torneios e ter um evento na nossa cidade, com este nível, deu para melhorar muito a performance”, afirmou o ganhador.

PLANOS

Além dos mestres, todas as idades puderam se enfrentar nos tabuleiros. A entrega dos prêmios foi marcada pela presença do prefeito Cesar Silvestri Filho, juntamente com a família Kaminski, o secretário de Esportes e Recreação, Pablo de Almeida, o árbitro internacional, Uvencio Hernández, e o diretor do torneio, Cesar Souza.

Com as expectativas da competição superadas, estão surgindo novos planos para o desenvolvimento do esporte na cidade. “A partir desse torneio estamos prospectando uma equipe forte para os Jogos Abertos, através dos destaques vistos aqui. Vamos resgatar os talentos que já temos, podendo incentivar novos também”, destacou o secretário.

Para o secretário de Esportes e Recreação, Pablo de Almeida, o sucesso do campeonato mostrou o resultado de um investimento no esporte local (Foto: Secom)

SESC

Simultaneamente ao torneio, o Circuito Sesc realizou uma etapa escolar com 224 participantes, alcançando sucesso no maior número de participantes do Paraná. Em parceria com a Prefeitura de Guarapuava, a realização do evento teve como parceiros, o Centro de Excelência de Xadrez, apoio da família Kaminski, Governo do Estado do Paraná, da Federação de Xadrez do Paraná, Sesc-PR e EB Edições.

VENCEDORES DE CADA CATEGORIA

Torneio Rápido - Classificação Geral

1° lugar: Roberto Molina

Melhor Feminino: Maria Florencia Fernandez

Melhor Idoso: Carlos Garcia Palermo

Melhor Juvenil: Igor Cadilhac

Melhor Cadete: Romulo Mota

Melhor guarapuavano: Eduardo Dotorivo de Sousa

Melhor Não Titulado: Ramon Gamarra

Melhor Sub-2200: Geanfrancesco Pereira

Partida Mais Brilhante: Leandro Perdomo

Torneio Blitz - Classificação geral

1° Sandro Mareco

Melhor Feminino: Maria Florencia Fernandez

Melhor Idoso: Vitorio Chemin

Melhor Juvenil: Igor Cadilhac

Melhor guarapuavano: Eduardo Dotorivo de Sousa

Melhor Não Titulado: Marcos Blanco

Fotos: Secom e Federação Paranaense de Xadrez

Veja Também